MAUVAI MOTS
AS CRIADAS

A poética dos corpos produzida com torções, repetições e abstrações, é um ingrediente  para a tematização de uma série de paradoxos. Os personagens amam e odeiam, têm nojo e idolatria, querem a vida e a morte e, em meio a contradições, deixam-se levar pela hibris que coloca em risco as próprias vidas. 

Com o texto homônimo de Jean Genet.

palestra_MG_5383.jpg
_MG_5414.jpg
22343656402_f239c92889_o.jpg
esta_MG_5412.jpg
_MG_5354.jpg
As Criadas na Mostra OFF 5.jpg

Fotografia Hid Said / Mateus Schimidt

BG_soca_blluu.png